MAPA e MPA anunciam suspensão das importações de tilápia do Vietnã

 


Os ministros Carlos Fávaro, da Agricultura e Pecuária (MAPA), e André de Paulta, da Pesca e Aquicultura (MPA), anunciaram, hoje (07.02.2024), que estão suspensas as importações de tilápia do Vietnã até que sejam feitas todas as análises de risco sanitário dos produtos vindos daquele país.


“A decisão do MAPA e do MPA atende a insistentes pleitos da Associação Brasileira da Piscicultura (Peixe BR). Desde a confirmação da importação de um lote de tilápia do Vietnã, em dezembro, deixamos claro o receio de entrada no Brasil do vírus TILV, além do uso de polifostato no Vietnã para aumentar artificialmente o peso dos filés de tilápia e de pangasius”, ressalta Francisco Medeiros, presidente executivo da Peixe BR.


Em recente pronunciamento, Medeiros informou que o Brasil é um grande importador de pangasius do Vietnã e, como a análise dos peixes importados era feita por amostragem, “um volume não identificado de pangasius tratado com polifosfato está entrando no país. Isso também é preocupante, pois é uma fraude ao consumidor brasileiro”.


Francisco Medeiros reforça que o Brasil não precisa da tilápia de fora para atender à demanda interna. “Somos o 4º maior produtor mundial e nossa produção aumenta ano após devido ao investimento dos piscicultores e da indústria de genética, nutrição, sanidade e equipamentos”.


A Associação Brasileira da Piscicultura agradece a sensibilidade dos ministros Carlos Fávaro e André de Paula, que “entenderam a seriedade da questão e tomaram a decisão mais correta: suspender as importações de tilápia do Vietnã”.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem